Há 14 meses sob a responsabilidade da Prolagos, a Estação de Tratamento de Esgoto de Arraial do Cabo recebeu na manhã desta segunda-feira, 14 de agosto, a visita da deputada estadual Márcia Jeovani. A presidente da Comissão de Assuntos Municipais e Desenvolvimento Regional acompanhou e elogiou as transformações ocorridas na ETE, após os investimentos realizados pela concessionária. “Há dois anos as máquinas não funcionavam e hoje observamos que está tudo em plena operação, inclusive, com máquinas novas. Houve um grande avanço para a população de Arraial do Cabo e esse trabalho influencia diretamente na recuperação da Lagoa de Araruama”, comemorou a deputada.

Desde que assumiu o esgotamento sanitário no município, em junho de 2016, a Prolagos está investindo em melhorias técnicas e estruturais para permitir a operação do sistema, que era precário. “Quando recebeu o serviço de esgoto de Arraial do Cabo, a Prolagos assumiu o compromisso de investir R$ 25 milhões, em que o foco nos dois primeiros anos é a recuperação das estações do primeiro distrito, ou seja, colocar todo o sistema que não operava para funcionar. Atualmente, todo o esgoto captado é tratado e direcionado com qualidade superior em relação ao que era antes”, explicou Douglas Jordão, Gerente de Operações da Prolagos.

Entre os investimentos feitos neste primeiro ano sob a concessão da Prolagos estão a recuperação das elevatórias, a aquisição de novas bombas, a revitalização de toda a Estação de Tratamento de Esgoto, que estava sucateada, a troca do sistema de desague e adensador do lodo. “Arraial do Cabo agora tem um estação em pleno funcionamento. É importante ressaltar que toda a massa orgânica resultante do tratamento de esgoto recebe destinação adequada, o que não acontecia no passado”, destacou Indiara Guasti, Coordenadora de Operações da concessionária.

São Pedro da Aldeia – Após a visita à ETE, a comitiva visitou o bairro Camerum, em São Pedro da Aldeia, onde foi implantada a rede separadora de esgoto, beneficiando quase 1500 moradores. A nova ligação permite a coleta de aproximadamente 400 mil litros de esgoto por dia, que são encaminhados para a Estação de Tratamento do município.