Apesar da paralisação dos caminhoneiros, os serviços de tratamento de água e esgoto se mantêm normalizados, sem interrupções. A concessionária ressalta que o estoque atual de produtos químicos garante a normalidade do tratamento de água e esgoto até o início da próxima semana. Devido à escassez de combustíveis, os demais serviços operacionais e de manutenção estão sujeitos a restrições, com prioridade às questões emergenciais.