Palestras sobre a importância do saneamento básico serão ministradas em 15 escolas da rede municipal

Foram definidas as 15 escolas municipais que receberão o programa de educação ambiental da Prolagos, Saúde Nota 10. As atividades começam nesta sexta-feira, em Iguaba Grande, e seguem até outubro, parando apenas no período das férias escolares. A atividade tem como objetivo despertar a consciência sustentável entre os alunos e reforçar a importância do consumo da água tratada e da coleta e tratamento de esgoto para o desenvolvimento sustentável. As escolas foram selecionadas pelas secretarias municipais de educação.

Em Cabo Frio, as escolas que receberão o programa são Agrisa, Angelim, Profª Catharina da Silveira Cordeiro, Profª Marília Plaisant e Palmira Bessa de Figueiredo. Em São Pedro da Aldeia foram contempladas as escolas municipais Vidal de Negreiros, Paineira, Carolina N. T. Pinheiro e Dulce Jotta de Souza. Em Iguaba Grande foram definidas as escolas Sapeatiba Mirim e Nerea Esther Batista. As escolas municipais de Armação dos Búzios escolhidas foram Eliete Mureb de Araújo Góes e Vereador Antônio Alípio da Silva. Em Arraial do Cabo as atividades acontecerão nas escolas Sotero Teixeira de Souza e Sagrado Coração de Jesus.

O Saúde Nota 10 leva para a sala de aula informações sobre a importância da água tratada para o consumo humano, o papel de cada cidadão na preservação dos recursos hídricos e preservação ambiental e os benefícios do esgoto tratado para a saúde e o meio ambiente. Os alunos são estimulados a participarem de um concurso cultural – desenho para os estudantes do 1º ao 3º ano e redação entre os alunos de 4º e 5º anos. Os vencedores de cada categoria ganham uma bicicleta.

A iniciativa é elogiada entre os profissionais de Educação. “Essa atividade é importante, pois é mais uma ferramenta pedagógica para estimular os alunos a interagirem com temas tão relevantes, como o saneamento”, comentou Marinalva Santos, coordenadora pedagógica da Secretaria de Educação de Iguaba Grande e responsável pela gestão de projetos especiais.

A coordenadora de Educação Ambiental do departamento de Supervisão Escolar de Cabo Frio, Franciene Bartholomeu da Mata, reforçou a importância da parceria para proporcionar uma atividade extracurricular sobre temas que fazem parte do dia-a-dia. “Iniciativas como esta contribuem para ampliar a educação ambiental nas escolas e permitem que os alunos tenham uma visão global sobre diversos assuntos. Mostrar a importância do saneamento em sala de aula é fundamental para mostrar como ele está diretamente ligado à saúde e ao bem-estar de todos”, disse Franciene.

O programa já passou por 85 escolas nos cinco municípios da área de concessão, beneficiando cerca de 60 mil estudantes.