Alunos da rede pública do município arrecadaram cerca de 1,8 mil litros de óleo de cozinha

Engajar e conscientizar. Estes foram os objetivos da gincana De Olho no Óleo, projeto realizado pela Prolagos em parceria com a Secretaria de Educação de São Pedro da Aldeia, que teve seu vencedor revelado nesta semana. A escola campeã Dulcinda Jotta Mendes, do bairro São João, coletou mais de 700 litros de óleo dos 1,8 mil arrecadados. Durante três meses, alunos do 4º ao 9º ano do ensino fundamental da rede pública do município se mobilizaram para recolher o resíduo.

“Estou muito feliz em participar deste projeto e ver a valorização dos nossos alunos. Eles explodiram de felicidade durante a contagem! Foi emocionante ver a participação deles, da família e dos professores. Essa parceria só tem incentivado a busca pelo conhecimento e espero que venham muitos outros programas”, comentou a diretora adjunta Maria Lucivânia dos Santos.

Para comemorar e encerrar esta edição da gincana, a concessionária levou à unidade escolar vencedora o espetáculo “Prenúncio”, que retrata um futuro distópico com o oxigênio chegando ao fim, água se esgotando e lixo espalhado em todos os lugares e propõe uma reflexão sobre os hábitos do cotidiano.

“Nos divertimos bastante desde o início com a coleta e agora com a peça. Acho que passando tudo que aprendemos para as pessoas elas vão perceber o que é realmente importante para o planeta”, disse Michael de Oliveira, do 9º ano do colégio campeão.

A turma de Michael se destacou na arrecadação e ganhou uma visita ao Museu do Amanhã, na zona Portuária do Rio de Janeiro, em data a ser definida. Participaram também da iniciativa a E. Mz. Paineira, no bairro Balneário; E. M. Profª Maria da Glória Santos Motta, em Praia Linda; E. M. Antônio Vaz da Silva, no Recanto do Sol; E. Mz. Retiro, localizada no Retiro e E. Mz. Capitão Costa, na Cruz.

“Conseguimos alcançar o nosso propósito que é levar educação ambiental aos alunos. Pude perceber o engajamento de cada um deles, porque mesmo com todas as dificuldades, eles vestiram a camisa e foram propagar essa atitude consciente para sua comunidade”, disse Leonardo Soares, do setor de Responsabilidade Social da concessionária, que acompanhou de perto toda movimentação das escolas.

A atividade é um desdobramento do programa De Olho no Óleo que tem como objetivo orientar a população para que faça o uso correto da rede pública, pois o descarte do resíduo nos ralos e pias provoca entupimento, causando extravasamentos em vias e refluxo nos imóveis. Além disso, o óleo pode interferir no processo de tratamento de esgoto nas estações, além de contaminar praias, lagoas e solo. Para evitar a contaminação, basta colocar o óleo usado em garrafas plásticas e deixar em uma das seis lojas de atendimento da Prolagos.