Notícias

Ver notícia

Ubás, em Iguaba Grande, e Pedras de Sapiatiba, em São Pedro da Aldeia, se tornaram as primeiras praias de lagoa de água salgada certificadas no Brasil

Além das belas paisagens que servem de refúgio para moradores e turistas, a Lagoa de Araruama agora conta com uma certificação que vai atrair a atenção de visitantes de todo o mundo: o selo Bandeira Azul. Nesta semana, foi divulgada a aprovação de duas praias lagunares, Ubás, em Iguaba Grande, e Pedras de Sapiatiba, em São Pedro da Aldeia, pelo júri internacional do programa, que desafia autoridades locais, gestores e a própria comunidade, a alcançarem altos padrões em mais de 30 quesitos.

Outras praias da Região dos Lagos também receberam a certificação para a temporada 2023/2024, como as Praias do Forno e Azeda Azedinha, em Búzios, e Praia do Peró, em Cabo Frio, que irá hastear a Bandeira Azul pelo sexto ano consecutivo. Entre as ações para se adequar aos critérios exigidos pela certificação, estão a coleta e análise da qualidade da água das praias, que são realizadas com o apoio da Prolagos, concessionária responsável pela distribuição de água e coleta e tratamento de esgoto das cidades de Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia.

“Ter uma água com qualidade é um dos itens mais importantes para a certificação e o saneamento básico é fundamental para que isto aconteça. Mas para que pudéssemos celebrar 5 praias com o selo na nossa área de atuação, foi necessário muito trabalho e investimento. Quando assumimos a concessão, não havia coleta e tratamento de esgoto. Em 25 anos, conseguimos construir um cinturão que hoje protege praias lagunares e oceânicas e alcançamos a marca de 80% do esgoto coletado na região. A conquista desse selo traz um desafio ainda maior para nós da concessionária que diariamente apoiamos nessa continuidade e evolução dos altos padrões de qualidade ambiental”, comenta Pedro Freitas, diretor-presidente da Prolagos.

Além das ações com foco em gestão e infraestrutura, as iniciativas de educação ambiental fazem parte do calendário das praias que conquistam a certificação internacional, envolvendo moradores, empresários locais e turistas no tema e incentivando o respeito a natureza.

“A educação ambiental é a ferramenta para que a sociedade se una em prol de uma causa comum. Não basta a vontade do poder público, ou da sociedade civil isoladamente, ambas precisam andar juntas. Estas ações têm o objetivo de incentivar o conhecimento e respeito por esses ecossistemas por parte das pessoas que visitam e trabalham nessas praias”, explica Paloma Arias, consultora do Bandeira Azul.

A partir de novembro a população poderá acompanhar o hasteamento das bandeiras nas cidades da região. Já na próxima temporada, além dos locais que conquistaram o selo neste ano com praias lagunares, mais um munícipio irá concorrer: Arraial do Cabo, com as praias Caiçara e da Ponta da Acaíra.

Blindagem da Lagoa de Araruama

Para proteger a laguna, a concessionária já implantou 38 km de cinturão coletor de esgoto que contribuíram com a melhora da qualidade ambiental do principal cartão-postal da Região dos Lagos, resultando em recordes de pescado, desenvolvimento do turismo local e agora a conquista da Bandeira Azul em duas praias. Em complemento, a concessionária está investindo mais de R$50 milhões na implantação de 26 km de cinturão. Esta obra foi iniciada por Iguaba, em Ubás, em 2022.

Compartilhar:

Veja Também

Comunicados Saiba mais
Comunicados

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.

Contato Saiba mais
Contato

A Prolagos oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Quem Somos Saiba mais
Quem Somos

A Prolagos é responsável pelos serviços de saneamento básico em cinco municípios da Região dos Lagos.