Notícias

Ver notícia

Planejamento prevê a expansão dos serviços de água e esgoto para Cabo Frio, Arraial do Cabo, Armação dos Búzios, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia até 2026

 

 Aumento da capacidade de produção de água tratada, construção de 22 mil metros de adutora (tubulação de grande porte para transportar água), implantação de aproximadamente 25 mil metros de rede de água, resultando em mais 30 mil novas ligações e beneficiando aproximadamente 100 mil pessoas, ampliação do sistema de esgotamento sanitário com implantação de rede separativa para atender, neste modelo, 50% da população na primeira fase do projeto. Essas são algumas obras propostas pela Prolagos para os próximos cinco anos para Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia, com investimento de aproximadamente R$ 1 bilhão.

O plano de trabalho foi apresentado, nesta semana, pelo diretor-presidente da concessionária, Pedro Freitas, aos membros do Consórcio Intermunicipal Lagos São João (CILSJ) e representantes dos municípios da área de concessão, em reunião em São Pedro da Aldeia, com o objetivo de discutir as metas para o próximo quinquênio. “Como técnicos e operadores do saneamento, nossa missão é desenvolver projetos de expansão dos serviços de água e esgoto de acordo com as necessidades de cada cidade. Para que sejam executados, esse plano precisa ser aprovado pelas prefeituras e pela agência reguladora” – explica o executivo.

Uma das principais demandas da população, a implantação de rede separativa de esgoto vem sendo discutida por técnicos da concessionária e dos municípios a fim de encontrar a estratégia mais eficaz para migrar do atual sistema em vigor, coleta em tempo seco, que capta as contribuições da rede de drenagem, para separador absoluto, com rede exclusiva para coletar esgoto. A proposta apresentada é a construção, por etapas, de rede coletora em cada município, em áreas com maior concentração de habitantes para atender a 50% da população até 2026. Para otimizar os investimentos foram consideradas as áreas que tenham estações de tratamento e estações elevatórias (unidades de pressurização de esgoto) já instaladas.

Participaram da reunião os prefeitos de São Pedro da Aldeia, Fabio do Pastel, e de Cabo Frio, José Bonifácio, respectivamente presidente e vice- presidente do Consórcio Intermunicipal Lagos São João (CILSJ), a secretária de Meio Ambiente de São Pedro, Raquel Trevisam, o secretário de Meio Ambiente de Arraial do Cabo, Jorge Oliveira, o vice-prefeito de Armação dos Búzios, Miguel Pereira, a secretária executiva do Consórcio, Adriana Saad, os ambientalistas e membros do Consórcio, Dalva Mansur e Arnaldo Vilanova, entre outros.

Compartilhar:

Veja Também

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.

Contato Saiba mais
Contato

A Prolagos oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.