Notícias

Ver notícia

Prolagos investe na reforma de unidades, ampliação de rede coletora e em manutenções preventivas

 Ampliação da rede coletora de esgoto, melhorias operacionais, reformas e trocas de equipamentos nas estações de tratamento e no sistema de captação. Essas são algumas ações desenvolvidas pela Prolagos ao longo de abril com foco no aperfeiçoamento no sistema de esgotamento sanitário nos municípios da área de concessão: Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia. Saindo dos imóveis, passando pela rede coletora, unidades de bombeamento até chegar às estações de tratamento, o esgoto percorre um grande caminho até retornar ao meio ambiente dentro dos padrões estabelecidos pelas autoridades ambientais, fechando o ciclo a água.

Em Búzios, próximo à Praia da Armação, foram assentados 40 metros de rede coletora de esgoto na Avenida José Bento Ribeiro Dantas, no trecho a partir da esquina com a Travessa Santana, no bairro Village de Búzios. Após a finalização dos serviços que amplia a cobertura na parte central, os imóveis foram interligados ao sistema, garantindo a máxima eficiência da obra. O esgoto coletado nos imóveis nesta localidade seguirá por uma tubulação exclusiva até a estação de tratamento, no bairro São José, passando por um sistema de bombeamento, que inicia pela Estação Elevatória dos Ossos. O balneário conta ainda com o sistema separador absoluto nos bairros Centro, João Fernandes, Geribá e Manguinhos, onde recentemente foi inaugurada uma nova estação elevatória, a Porto da Barra 2. Ainda em Búzios, a elevatória Bambuzal recebeu novos tubos guias.

Responsáveis por levar as contribuições até o tratamento, as redes sempre tiveram atenção especial e passam por limpezas preventivas rotineiramente. Além disso, recentemente, a empresa iniciou a troca dos tampões dos poços de visita das redes coletoras de esgoto que apresentam algum dano. O bom estado destas peças evita a entrada de objetos sólidos nas tubulações, o que pode provocar entupimento. A medida garante ainda a segurança dos pedestres e veículos que passem sobre eles.

As estações de tratamento também receberam melhorias. Em Cabo Frio, o adensador do lodo foi reformado e em São Pedro da Aldeia, a estruturação na área que recebe os resíduos que chegam pelos caminhões limpa fossa aumentou a retenção de areia antes do início do tratamento preliminar, contribuindo para a preservação dos equipamentos e das tubulações que fazem parte do processo de tratamento.

A unidade teve ampliada a capacidade do sistema de desidratação do lodo resultante do tratamento e ganhou uma nova centrífuga, equipamento responsável por esta fase. A estação de Búzios recebeu a mesma intervenção. “Esta etapa é fundamental para garantir a eficiência de todo o tratamento. Enquanto parte da massa orgânica retorna aos reatores biológicos para manter o controle e o equilíbrio do sistema, o restante é desidratado pela centrífuga e encaminhado ao aterro sanitário”, explica o gerente operacional Mário Gonçalves.

As ações fazem parte do Programa de Melhoria Contínua no Sistema de Esgotamento Sanitário dos cinco municípios da área de abrangência da Prolagos. Para tratar o esgoto da região, a concessionária possui sete Estações de Tratamento, com capacidade total para tratar 97 milhões de litros por dia.

Compartilhar:

Veja Também

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.

Água Saiba mais
Água

Antes de chegar às torneiras, a água percorre um longo caminho pelo sistema de abastecimento da Prolagos.